Siga-nos agora em
english version
INÍCIO  |  LOGIN SÓCIOS  |  CONTACTOS  |  MAPA DO SITE
PESQUISAR
 
 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

voltar ]
18-11-2021
Número 17 da revista «Pessoas» já está disponível


O número referente aos meses de novembro/dezembro da revista da APG tem como temas de capa de como Portugal se transformou de país startup a nação unicórnio, os novos nómadas digitais, os modelos híbridos e ainda a semana de trabalho de quatro dias.

As startups nacionais já levantaram mais de mil milhões de dólares, tanto quanto vale um unicórnio. E já são cinco em Portugal: Farfetch, Outsystems, Feedzai, Talkdesk e, mais recentemente, a Remote. Estará Portugal a cumprir a promessa de se transformar num país hub tech? O que falta para, do país startup, passarmos para a nação unicórnio? Num momento em que se realizou em Portugal a Web Summit, a "Pessoas" foi tentar descobrir estas respostas, junto de alguns dos fundadores dos unicórnios de ADN português, empreendedores e gestores.

Marcelo Lebre, cofundador, COO e CTO da Remote, conta os planos da empresa que pretende mudar o mundo do trabalho: até ao final do ano quer estar em 80 países, no próximo ano dar emprego direto a mais de 1.500 pessoas e assegurar cobertura global com os seus serviços. É um longo caminho para o jovem de Anadia que estudou em Aveiro e teve de vir para Lisboa para ter mais oportunidades de trabalho.

Quem tem oportunidade de trabalhar a partir de onde deseja são os nómadas digitais, para quem a casa ou o escritório pode ser qualquer lugar onde esteja o computador portátil e haja uma boa ligação à internet. Estes profissionais viajam enquanto trabalham, não estão presos a um lugar, horário ou, muitas vezes, empregador. A nossa revista falou com Tadeu Marques, Gergana Yordanova e Raquel Silvestre sobre as suas experiências enquanto nómadas digitais, das oportunidades aos desafios.

Numa altura em que Governos e empresas em todo o mundo estão a testar uma redução na semana de trabalho, a revista "Pessoas" foi ainda tentar perceber, junto de quem já experimentou (ou está nesse processo) em Portugal, quais os resultados dos processos-piloto: quais as dificuldades, receios e vantagens que os empregadores vêem na semana de trabalho de quatro dias? E como pode ser implementada na prática?

Como as empresas se estão a organizar nos modelos híbridos, retiros ecológicos que são uma atividade de team building, o potencial do talento com dislexia ou as tecnologias que estão a revolucionar o mercado de trabalho são outros dos temas que podem ser encontrados na edição de novembro/dezembro da revista da APG e que todos os sócios receberão.
 
 
 
RH atual | Sobre a APG | Sócios | Formação | Coaching | Publicações | Ligações | Mapa do site | Contactos | Termos & Condições
redicom.pt